Linhas de ação

Território e Meio Ambiente

A pesca artesanal depende de modo direto, de ambientes preservados que garantam a reprodução e manutenção das espécies. No entanto, os ambientes onde a pesca artesanal é desenvolvida, são constantemente ameaçados com a expansão desenfreada do agro/hidronegócio, poluição industrial e turismo predatório com graves danos: poluição, desmatamento, assoreamento e  expulsão.

As populações tradicionais são as verdadeiras guardiãs da biodiversidade e as comunidades pesqueiras não fogem a regra. Por esse motivo, o CPP atua solidariamente, junto às comunidades pesqueiras na luta pela permanência e pelo reconhecimento dos seus territórios tradicionais. A Campanha pela Regularização do Território Pesqueiro é um dos exemplos disso.

Confira logo abaixo, algumas das notícias publicadas, relacionadas a essa temática!

 

Conteúdo relacionado

Quatro representantes do MPP estavam presentes na Audiência Pública realizada dia 28/11, na Comissão Externa – Derramamento de Óleo no Nordeste, da Câmara dos Deputados.

Audiência Pública na Assembleia Legislativa de Pernambuco sobre petróleo nas praias
MPP realiza Plenária sobre Violação de Direitos com PGR
Atingidos pelo crime ambiental, trabalhadores relatam crise nas vendas, desamparo e fome nas comunidades
Petróleo chega ao Porto dos Tatua PI e prejudica marisqueiras
A Associação de Catadores de Marisco de Ilha Grande – A.C.M.I.G – realizou reunião no intuito de exigir soluções de sobrevivência por parte das instituições responsáveis.