Saiu na imprensa

A medida que concede renovação do Registro Geral de Atividade Pesqueira foi publicada no  pelo Diário Oficial da União, na sexta-feira (22) e atenderá pescadores artesanais de todo território nacional. Conforme informado pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), a medida é temporária e tem objetivo de permitir o exercício da atividade e acesso ao seguro defeso, que garante fonte mínima de... leia mais
Um protesto realizado por cerca de 100 pescadores e agricultores dos municípios de Porto Grande e Ferreira Gomes na manhã desta terça-feira (22), em frente a Justiça Federal, na Zona Norte de Macapá, reivindicou maior agilidade no processo que julga as indenizações a serem pagas aos atingidos pela construção da hidrelétrica Cachoeira Caldeirão. Também foi cobrado o julgamento da ação civil pública, de autoria do... leia mais
Protesto pescadores Vale | Foto: Portal Diário do Aço
Por decisão da 1ª Vara Cível da Comarca de Baixo Guandu foi cumprida, na noite de terça-feira (15) a reintegração de posse da Estrada de Ferro Vitória-Minas. Pescadores, que foram impactados pela lama de rejeito de minério no Rio Doce, fecharam a linha férrea na segunda-feira (14). O comando do 8º Batalhão de Polícia Militar de Baixo Guandu confirmou que por volta de 19h30 um oficial de Justiça compareceu ao local e... leia mais
Pescadores contra a Vale | Foto: Milton Jorge/ Colônia de Pescadores
Pescadores fecharam a ferrovia Vitória-Minas no trecho de Baixo Guandu, no Noroeste do Espírito Santo, na manhã desta segunda-feira (14), em protesto contra a forma como estão sendo indenizados. Segundo eles, um dos benefícios foi cortado. Até às 22h30, os manifestantes ainda continuavam no local. A categoria disse que uma decisão do juiz Mário de Paula Franco Júnior, da 12ª Vara Federal de Belo Horizonte, altera o... leia mais
Cerca de 1.500 acordos firmados entre a fundação Renova e os pescadores de Minas Gerais e Espírito Santo, vítimas do rompimento da barragem da Samarco em Mariana (MG), foram modificados por decisão judicial no último dia 27 de dezembro. O rompimento da barragem se deu em novembro de 2015 e despejou resíduos de mineração no Rio Doce, que cruza os dois estados, além de deixar 19 mortos. A defesa dos pescadores disse... leia mais