Notas, Cartas, Manifestos

Marielle Franco
  A Comissão Episcopal Pastoral para Ação Social Transformadora (CEPAST) da CNBB emitiu nota em que critica o assassinato de Marielle Franco e Anderson Gomes, além de demonstrar preocupação com as ameaças de morte deferidas contra o Pe. Júlio Lancellotti e os ataques contra as lideranças e organizações da Igreja, como CNBB, CEBs, Cáritas Brasileira e o Fundo Nacional de Solidariedade. Ainda na nota, a CEPAST critica... leia mais
Povos e comunidades tradicionais
  Em nota, mais de 30 organizações repudiam decreto inconstitucional que pretende regulamentar Consulta Prévia a povos indígenas e comunidades tradicionais no Pará.       NOTA DE REPÚDIO AO DECRETO DO GOVERNO DO PARÁ QUE VIOLA O DIREITO À CONSULTA LIVRE, PRÉVIA E INFORMADA   No dia 24 de janeiro o Governo do Estado do Pará publicou o Decreto nº 1.969 que institui o Grupo de Estudos para criar procedimentos de... leia mais
As Pastorais do Campo (CPT, CPP, CIMI, Cáritas, SPM) divulgaram nesta quarta-feira (31) Nota Pública condenando o aumento dos massacres e da violência contra os povos do campo. O documento destaca que "É evidente que esta exacerbação dos conflitos agrários em número e violência, tem ligação com a crise política e com o avanço das forças do agronegócio sobre os Poderes do Estado brasileiro. Os desmandos autoritários... leia mais
Em Nota, o CPP denuncia a violência infligida contra a comunidade pesqueira quilombola de Caraíbas, localizada no município de Pedras Maria da Cruz, norte de Minas Gerais. Apesar da comunidade estar localizada no seu território tradicional e ter o Termo de Autorização de Uso Sustentável (TAUS), concedido pela Secretaria de Patrimônio da União (SPU), uma decisão da justiça estadual de Minas Gerais retirou o direito... leia mais
Pastorais do Campo divulgam Nota de apoio ao Conselho Indigenista Missionário, um dos alvos do relatório da CPI da FUNAI, que está sendo votado hoje (16) na Câmara. Segundo a Nota das Pastorais, "Não podemos nos calar diante das injustiças, sobre a tendenciosa solicitação de indiciamento de indígenas e de membros do CIMI, de quem, em diferentes funções contribui para a defesa dos direitos dos Povos Indígenas. No... leia mais
CPP pronuncia, em carta, apoio à Comunidade pesqueira do Cajueiro, localizada em São Luis do Maranhão. Desde 2014 a comunidade tem sofrido ameaças da construtora WTorres. Na carta, o CPP afirma que "A situação atual está muito tensa e com risco de vida para os moradores de Cajueiro. Lembramos que esta grave situação e o risco eminente que a comunidade sofra outros ataques violentos, ocorre num momento histórico de... leia mais
As pastorais do campo, incluindo o Conselho Pastoral dos Pescadores, a Comissão Pastoral da Terra, a Cáritas, o Conselho Indigenista Missionário e a Serviço Pastoral do Migrantes, lançam Nota Pública sobre o Massacre de 9 camponeses em Colniza (MT). Os assassinatos ocorridos no último dia 19 de abril, ocorreram na semana em que se completam 21 anos do Massacre de Eldorado dos Carajás, no Pará, que vitimou 19 pessoas... leia mais
  Em nota pública, o Conselho Pastoral dos Pescadores (CPP) condena o golpe político-midiático em curso no Brasil e critica as tentativas de mudança legislativa que retiram direitos conquistados na Constituição Cidadã de 1988. A Nota foi lançada em novembro de 2016. Confira o pronunciamento do CPP na íntegra!    Carta de pronunciamento do CPP“Quando os problemas se tornam absurdos, os desafios se tornam apaixonantes... leia mais
Mais de 200 organizações ligadas à pesca e ao meio ambiente, juntamente com pesquisadores, divulgam carta pública pedindo que a Secretaria da Pesca não seja transferida para o Ministério da Indústria Comércio e Serviços (MDIC), sob o comando do Partido Republicano Brasileiro (PRB). Na carta, os pescadores apontam que tais mudanças podem trazer um enorme prejuízo à pesca artesanal e têm por "objetivo acomodar... leia mais
A Articulação das Pastorais do Campo, que abrange o Conselho Pastoral dos Pescadores (CPP), a Comissão Pastoral da Terra (CPT), o Conselho Indigenista Missionário (CIMI) e o Serviço Pastoral dos Imigrantes, pronuncia-se contrariamente às medidas de corte de gastos nas políticas sociais realizadas pelo governo de Michel Temer. A nota foi emitida em 8 de junho de 2016. Leia a nota na íntegra logo abaixo, ou faça o... leia mais