Conflito socioambiental

Resex Corumbau

Localização

Porto Seguro
Bahia
Município(s) atingido(s): 

Porto Seguro e Prado

Período: 
2000
População atingida: 

400 famílias

Agentes causadores: 
Veracel Celulose, Empreendimentos Turísticos
Tipo de Agentes causadores: 
Situação do conflito: 

Impedimento de Acesso Aos Locais de Trabalho; Barcaças da Veracel Celulose; Empreendimento Turísticos – com a chegada dos hotéis dos fazendeiros à região, os acessos às ilhas, mangues, praias, etc., foram fechados com cercas, o que vem dificultando a prática extrativista da captura do caranguejo. Na RESEX Marinha de Corumbau, vem ocorrendo um conflito com as barcaças da Veracel Celulose porque as rotas destas atravessam o território dos pescadores artesanais, o que provoca a destruição dos apetrechos de pesca ou mesmo a ocorrência de acidentes com as embarcações dos pescadores e pescadoras artesanais.

Grupos apoiadores e parceiros : 

MPP – Movimento dos Pescadores e Pescadoras Artesanais | AATR – Associação de Advogados de Trabalhadores Rurais da Bahia | CPP – Conselho Pastoral dos Pescadores | CDCN – Conselho de Desenvolvimento da Comunidade Negra do Estado da Bahia | GEOGRAFAR/UFBA | MarSol/UFBA | Associação de pescadores/as das comunidades | Grupo de pesquisa em etnobiologia - UEFS | Grupo de pesquisa Mito - UFRB | Departamento de Ciências dos Alimentos - Escola de Nutrição/UFBA 

Fonte: 

Relatório de Conflitos socioambientais e Violações de Direitos Humanos em Comunidades Tradicionais Pesqueiras no Brasil - ISBN 978-85-60917-56-3