Conflito socioambiental

Comunidade Garopaba do Sul

Localização

Jaguaruna
Santa Catarina
Município(s) atingido(s): 

Jaguaruna

Período: 
2005
População atingida: 

500 famílias

Agentes causadores: 
Arrozeiros, fazendeiros locais, empresas de mineração particulares, veranistas, poder público local
Tipo de Agentes causadores: 
Situação do conflito: 

O cultivo industrial dos arrozais tem trazido prejuízo socioeconômico para os pescadores locais, a partir da privatização das terras e águas públicas e da contaminação das águas com agrotóxicos que provocam a mortandade do pescado. A atividade de mineração tem provocado supressão da vegetação nativa e poluição com o uso de produtos químicos para o clareamento de areia. Há avanço da especulação imobiliária por parte de veranistas, o que tem provocado disputa pelo território pesqueiro.

Esses empreendimentos econômicos têm promovido a degradação de sítios arqueológicos (Sambaquis) existentes na região.

Grupos apoiadores e parceiros : 

Conselho Pastoral dos Pescadores, Movimento dos Pescadores e Pescadoras artesanais

Fonte: 

Relatório de Conflitos Socioambientais e Violações de Direitos Humanos em Comunidades Tradicionais Pesqueiras no Brasil. – Brasilia/DF. 2016. 104p. - ISBN 978-85-60917-56-3 | Conselho Pastoral dos Pescadores, Org.: Tomáz, Alzení de Freitas & Santos, Gilmar.

Acesse aqui!